Red Sonja: A Balada da Deusa Ruiva e A Sombra do Abutre

Roy Thomas, Esteban Maroto & Robert E. Howard

Red Sonja, uma das heroínas mais famosas do universo de Conan, o Bárbaro, está de volta ao Brasil em uma edição inédita no mundo, que reúne o clássico conto de criação da personagem e uma graphic novel histórica.

R$69,90

Em estoque

• Formato 21 x 28 cm
• 116 páginas em preto, branco e vermelho
• Capa dura
• Tradução: Alexandre Callari

Normalmente comprados juntos:

++
Preço total:   R$199,70
  • "Esteban Maroto mata a pau com aquele detalhismo que lhe é próprio, também com uma narrativa espetacular[...] Essa colorização avermelhada nos cabelos da Sonja e também em outras partes da publicação, abrilhantam ainda mais o trabalho artístico[...]."
    Fernando, CENTRAL HQS
  • "É um quadrinho que eu recomendo, sobretudo se você nunca leu nada da Red Sonja, se você quer conhecer a personagem ou se você é um grande fã do Conan, do Robert E. Howard."
    Thiago Ferreira, Comix Zone
CONHEÇA MAIS

A Balada da Deusa Ruiva marca o retorno de Roy Thomas (A Espada Selvagem de Conan) e Esteban Maroto (Cinco por Infinito, Espadas & Bruxas), os lendários artistas que popularizaram e eternizaram a guerreira há mais de 40 anos, trabalhando juntos novamente, ao lado do artista espanhol Santi Casas (Injustiça, Batman: Caos em Arkham City)

Lançada originalmente na Espanha, em 2018, e republicada nos EUA pela Dynamite Entertainment, esta é uma aventura nova e muito especial, que oferece uma releitura da origem da personagem ao mesmo tempo em que a coloca em uma missão sanguinária para destronar um perigoso déspota!

Inteiramente impressa em preto, branco e vermelho, a luxuosa edição da Pipoca & Nanquim traz páginas de material extra sobre o processo de criação da obra e é a única no mundo a compilar também o conto A Sombra do Abutre, de 1934, o primeiro e único que o cultuado Robert E. Howard (Conan: O Bárbaro, Bran Mak Morn) escreveu com a Red Sonja.

SOBRE OS AUTORES

Roy Thomas

Nascido em 22 de novembro de 1940, Roy Thomas é um dos nomes mais conhecidos dos quarinhos norte-americanos de super-heróis. Ele fez parte da segunda geração de autores a trabalhar para a Marvel Comics, e foi escolhido como sucessor do lendário Stan Lee para assumir o cargo de editor-chefe. Como roteirista, Thomas trabalhou virtualmente com todos os personagens da Casa das Ideias, tendo criado fases lendárias para heróis como Conan, Os Vingadores e os X-Men. Entre os diversos personagens que cocriou, destacam-se o Motoqueiro Fantasma, Homem-Coisa, Visão, Luke Cage, Punho de Ferro e o vilão Ultron.


Esteban Maroto

Esteban Maroto iniciou sua carreira como quadrinista na década de 1960 na Espanha, e logo passou a colaborar com o mercado norte-americano em títulos como Red Sonja, A Espada Selvagem de Conan e Savage Tales, da Marvel Comics. Em 1967, começou a publicar a série que o consagrou no mundo todo, a ficção científica Cinco por Infinito. Em 1971, se uniu à equipe da editora Warren Publishing e trabalhou em revistas lendárias como Creepy, Eerie e Vampirella. Nesse período, publicou sua trilogia dos bárbaros (Wolff, Dax e Korsar) em diferentes edições mundo afora, compiladas pela editora Pipoca & Nanquim no volume Espadas e Bruxas (2017). Também trabalhou em títulos como Zatanna, Aquaman e The Atlantis Chronicles, para a DC Comics; Cadillacs and Dinosaurs e Lady Rawhide, para a Topps Comics; Brendon, para a Sergio Bonelli Editore; e publicou a adaptação Os Mitos de Cthulhu e a graphic novel Red Sonja: A Balada da Deusa Ruiva, ao lado do escritor Roy Thomas e do artista Santi Casas.


Robert E. Howard

O texano Robert Ervin Howard nasceu em 22 de janeiro de 1906 e faleceu ainda jovem, em 11 de junho de 1936. Tido como o pai do subgênero Espada & Feitiçaria, é o criador, além de Conan, o Bárbaro, de diversos outros personagens, como Solomon Kane, Bran Mak Morn, Red Sonja e o rei Kull. Escritor prolífico, publicou contos de todos os estilos, incluindo histórias de crime, terror, aventura e faroeste. O trabalho que desenvolveu em torno de seu principal personagem, o cimério Conan, é considerado um dos pontos mais altos da Era de Ouro dos pulp fictions dos Estados Unidos.


Assista ao vídeo

Você também pode gostar de…