Fronteiras do Além

Jayme Cortez

Toda a produção de terror de Jayme Cortez, um dos maiores quadrinistas do Brasil, reunida em uma edição definitiva à altura de seu talento. Uma celebração ao terror e a um verdadeiro mestre da nona arte!

R$69,90

764 em estoque

• Formato 21 x 28 cm
• 132 páginas em preto e branco e coloridas
• Capa dura com verniz localizado
• Miolo em papel couché brilho 150 g/m²

COMPLETE SUA COLEÇÃO

++
Price for all:   R$179,70
CONHEÇA MAIS

Jayme Cortez (1926-1987), um dos mais notórios quadrinistas e incentivadores da produção de histórias em quadrinhos no Brasil, finalmente tem toda a sua produção de terror, gênero que mais o consagrou, restaurada, digitalizada e reunida em uma edição definitiva à altura de seu talento!

Fronteiras do Além conduz o leitor por passagens escuras e noites sem fim, por dramas particulares e seus resultados funestos, em histórias movidas pela incrível versatilidade de um dos maiores artistas que o país já teve.

Esta edição reúne TODOS os quadrinhos de terror produzidos pelo artista durante sua prolífica carreira, incluindo a clássica O Retrato do Mal e suas colaborações para as célebres revistas O Terror Negro, Calafrio e Mestres do Terror, além de extras que incluem dezenas de capas, artes, pôsteres, esboços, matérias e depoimentos de colegas de profissão que tiveram o privilégio de acompanhar sua trajetória ímpar, como Mauricio de Sousa.

Um misto de antologia de quadrinhos e artbook, inclusive com um caderno de páginas coloridas, imprescindível para os admiradores da produção de quadrinhos nacionais.

SOBRE O AUTOR

Jayme Cortez

Jayme Cortez foi um dos maiores ilustradores que nosso país já conheceu. Apesar de ter nascido em Portugal, em 1926, adotou o Brasil como seu lar em 1947, aqui se casando, gerando descendentes e participando ativamente do florescimento da produção de histórias em quadrinhos e ilustrações no início dos anos 1950.

Fã de Alex Raymond (Flash Gordon), desenvolveu um traço marcante e expressivo que empregou em publicações como O Dia, O Diário da Noite e A Gazeta Juvenil. Também se dedicou à ilustração publicitária, storyboards e à ilustração de cartazes de cinema, como os do comediante Mazzaropi e os do diretor José Mojica Marins, o Zé do Caixão.

Foi no gênero terror, mais precisamente em revistas como O Terror Negro, Spektro, Calafrio e Mestres do Terror, que fez fama no Brasil e no exterior. Sua carreira também o levou para empresas como a agência McCann-Erickson, onde administrou o setor de rádio e TV, e para a diretoria do departamento de merchandising e animação da Mauricio de Sousa Produções (MSP).

Tendo influenciado gerações de criadores ao longo de sua trajetória, Jayme Cortez criou obras importantes, como Zodyako, O Retrato do Mal e os livros teóricos A Técnica do Desenho, Mestres da Ilustração e Manual Prático do Ilustrador.

Ele faleceu em julho de 1987, com 60 anos, antes de conseguir lançar o álbum Fronteiras do Além, pensado para reunir todo seu trabalho com o gênero do terror. Agora, em 2020, ele finalmente está publicado.


Assista ao vídeo

Você também pode gostar de…