A Valise do Professor

Jiro Taniguchi & Hiromi Kawakami

Em uma caprichada edição definitiva, chega ao Brasil a adaptação em mangá do premiado romance homônimo, um dos mais prestigiosos do Japão, pelas mãos do mundialmente renomado Jiro Taniguchi!

R$84,90

• Formato 15.5 x 5 x 22.7 cm
• 436 páginas (com algumas coloridas)
• Capa com verniz localizado + sobrecapa
• Marcador de página exclusivo
• Miolo em papel pólen bold de alta gramatura
• Acabamento de miolo colado e costurado

CONHEÇA MAIS

A adaptação em mangá do premiado romance A Valise do Professor, um dos mais prestigiosos do Japão, pelas mãos do mundialmente renomado Jiro Taniguchi!

A metrópole de Tóquio oferece um cotidiano estável e sem grandes sobressaltos para Tsukiko Omachi, uma mulher de 37 anos que leva a vida de solteira entre o trabalho no escritório e uma rotina solitária. Certo dia, em uma de suas idas a um bar que frequenta, reencontra um antigo professor dos tempos de ensino médio, com quem começa a dividir os drinques e petiscos. Aos poucos, a casualidade evolui para um relacionamento repleto de pequenas descobertas e, à medida que Tsukiko conhece mais sobre seu amigo trinta anos mais velho, a diferença de idade começa a se diluir, apesar dos olhares alheios de reprovação.

O livro homônimo que deu origem a este mangá, lançado em 2001 por Hiromi Kawakami, uma das escritoras japonesas mais lidas da atualidade, cativa por sua prosa elegante e enxuta, e ganhou o Prêmio Tanizaki de literatura de ficção. A versão em quadrinhos de Jiro Taniguchi saiu serializada originalmente entre 2008 e 2009, e depois foi encadernada em duas edições pela editora Futabasha, que chegam agora ao Brasil em uma caprichada edição definitiva.

O romance também foi adaptado para filme televisivo em 2003, dirigido por Teruhiko Kuze, e para uma peça musical composta por Tasuhiro Kobayashi, e dirigida por Teruhiko Kuze em 2005, e Nozomi Makino em 2010.

O mangá tem 436 páginas em papel pólen bold de alta gramatura, incluindo algumas coloridas, em acabamento de miolo colado e costurado, que garante mais durabilidade e melhor manuseio, com sobrecapa, capa com verniz localizado e marcador de página exclusivo.

SOBRE OS AUTORES

Jiro Taniguchi

Nascido em agosto de 1947, na cidade de Tottori, no Japão, Jiro Taniguchi começou a ter seus trabalhos publicados em 1970. Adepto da maneira tradicional de se produzir mangás, sem a intervenção do computador, ele é tido como um dos mangakás mais ecléticos e brilhantes de seu tempo.

Ao longo da carreira, debruçou-se sobre vários temas: faroeste, dramas familiares, ficção científica, suspense, adaptações literárias, a contenda da humanidade contra a natureza e muitos outros. Influenciado pelos quadrinhos franceses, desenvolveu um relacionamento bastante especial com o país, a ponto de, em 2011, ser consagrado com a insígnia de Cavaleiro da Ordem das Artes e Letras, na França.

Foi laureado com alguns dos principais prêmios internacionais concedidos àqueles versados em seu ofício, como no Festival de Angoulême, no Salão de Quadrinhos de Barcelona e em uma das edições do Prêmio Cultural Osamu Tezuka. Um Bairro Distante, obra-prima no currículo do autor, foi adaptada para o cinema e recebeu ótimas críticas.

No Brasil, ele também é conhecido pelos mangás A Valise do Professor, Guardiões do Louvre, As Crônicas da Era do Gelo, O Homem que Passeia, O Gourmet Solitário, Zoo no Inverno, O Livro do Vento e Seton.

Jiro Taniguchi faleceu em 2017, deixando uma herança extraordinária para todos os apreciadores de boas histórias em quadrinhos.


Hiromi Kawakami

Nascida em Tóquio, em 1958, Hiromi Kawakami é escritora de romances, contos de ficção, poemas e crítica literária. Editou e publicou contos na revista de ficção científica NW-SF nos anos 1980 e, em 1994, publicou seu primeiro romance, o livro Kamisama (Deus).

Suas histórias costumam abordar temas cotidianos com um toque de realismo mágico, e lhe renderam uma série de prêmios literários. Em 1996, recebeu o Prêmio Akutagawa com o título Hebi o Fumu (Pisar uma Cobra, publicado em inglês como Record of a Night Too Brief); em 2001, o Prêmio Tanizaki com A Valise do Professor; e, em 2014, o Prêmio Yomiuri com Suisei (A Voz da Água).

Além de A Valise do Professor, outra obra sua, Nishino Yukihiko no Koito Bōken (Amores e Aventuras de Yukihiko Nishino), foi adaptada para um filme japonês homônimo em 2014. Dois de seus romances já foram publicados no Brasil: A Valise do Professor, que inspirou oi mangá homônimo, e Quinquilharias Nakano, de 2005.


Assista ao vídeo

Você também pode gostar de…