Tubarão, O Demonologista e Sexta-Feira 13! | Vlog do PN#71

Alexandre Callari mostra os últimos lançamentos da editora DarkSide, que são espetaculares.

VEJA TAMBÉM VÍDEO SOBRE O PROTEGIDO, DA DARKSIDE BOOKS:

 

—————————————–­­­————————————–­-­-­———————————————————————–
Se você gostou do que assistiu, ajude o videocast a se espalhar e clique no botão GOSTEI, adicione o vídeo aos favoritos e COMPARTILHE com os amigos nas redes sociais, isso é fundamental para a sobrevivência do canal. Contamos com a sua ajuda ;)

TUBARÃO, novo livro da DarkSide Books

Tubarão foi o filme que mudou o cinema para sempre. Foi o filme que lançou o conceito de arrasa-quarteirão de verão e transformou um ex-diretor de televisão, Steven Spielberg, em um dos mais famosos cineastas do mundo. O filme de maior bilheteria da história, na época de seu lançamento, Tubarão foi o primeiro filme do tipo ‘high-concept’, que é um filme cuja história pode ser facilmente descrita em poucas palavras ou em uma simples imagem. Sempre imitado, Tubarão tornou-se o padrão para todo arrasa-quarteirão que veio depois. E permanece um dos maiores filmes de todos os tempos.”

Chegou a hora de conhecer sua origem

Você não está vendo, mas ele está lá no fundo, observando suas pernas se mexerem nas águas turvas. A mais perfeita máquina assassina da natureza, o predador que mantém seu posto no topo da cadeia alimentar desde a época dos dinossauros. Um torpedo de carne, ossos e dentes. Não há para onde fugir. Se você sempre devorou livros, chegou a hora da revanche.

Tubarão é o clássico romance de Peter Benchley que deu origem ao primeiro blockbuster de Steven Spielberg. Mas, mesmo antes do sucesso na telona, o frenesi alimentar de Jaws se transformou num fenômeno de vendas. O best-seller internacional foi o principal responsável em elevar a fera de barbatanas dorsais ao status de perfeita encarnação do mal. Se já existiu um bicho-papão na natureza, ele está dentro d’água.

Versão limitada com capa dura.

Versão limitada com capa dura.

A história se passa em Amity, um balneário ficcional situado em Long Island, Nova York. Quando o corpo de uma turista é encontrado na praia o chefe de polícia Martin Brody ordena o fechamento das praias da região. O prefeito Larry Vaughan, porém, mais preocupado com o dinheiro dos veranistas, consegue abafar a notícia e libera o banho de mar na cidade. O banquete está servido.

O impacto dessa obra pop foi tão violento, que gerações passaram a pensar duas vezes antes de cair no mar. O resultado, além das intermináveis semanas do tubarão na TV a cabo, foi a perseguição desenfreada a esses peixes de dentes afiados. Benchley se tornou um ativista contra a matança indiscriminada dos tubarões.

Ao completar 40 anos, Tubarão volta às praias brasileiras com aquele toque feroz que só a DarkSide® Books consegue dar. Em duas versões: Limited Edition (capa dura) e Classic Edition.

Versão com capa mole.

Versão com capa brochura.

Peter Benchley (1940-2006) pertence a uma das famílias literárias mais celebradas dos EUA. Seu avô foi o humorista Robert Benchley e seu pai, o romancista Nathaniel Benchley. Jornalista de sucesso, estreou na ficção com Tubarão (1974) e, com Carl Gottlieb, escreveu o roteiro da adaptação para os cinemas, sucesso instantâneo. Seu interesse pelos oceanos – presente em todos os seus romances – data da infância, quando frequentava as praias da Costa Leste durante o verão. Escreveu dezenas de romances, muitos deles best-sellers, incluindo The Deep, Island, The Beast e Shark Trouble. Ao anunciar sua morte, em 2006, o obituário do New York Times informava que Tubarão já havia superado a marca de 20 milhões de exemplares vendidos.

“Um estudo do terror muito bem escrito, com tensão sob medida que nos deixa arrepiado.”
The Washington Pos

“Poderoso… A história de Benchley vai prendê-lo de primeira.”
The New York Times Book Review

“Terror implacável… É melhor você estar preparado. Não é para os que têm coração fraco.”
The Philadelphia Inquirer

“Prende o leitor desde o início […] uma história magnífica narrada com estilo, classe e um sentimento esplêndido pelo suspense.”
Chicago Sun-Times

Ficha Técnica
Título | Tubarão
Autor | Peter Benchley
Tradutor | Carla Madeira
Editora | DarkSide®
Edição | 1a
Idioma | Português
Especificações | 280 páginas, Capa Dura e Brochura
Dimensões | 14 x 21 cm
Lançamento | Março de 2015
Preço sugerido | R$ 59,90 (Capa Dura)
R$ 39,90 (Brochura)

Videocast 129 – Steven Spielberg

Olá a todos,

Sejam bem-vindos a mais um videocast do Pipoca e Nanquim. E só lembrando que estamos de parceiro novo, hein! O excelente site de cultura pop, Contraversão!!!

Já faz um tempo que não falamos sobre a vida de um grande diretor, então para o tema desta semana escolhemos um cara que, apesar de ser o mais bem sucedido diretor da história, é bastante polêmico: Steven Spielberg! Gênio ou picareta? Visionário ou oportunista? Embora Spielberg tenha desenvolvido uma carreira absolutamente brilhante nos anos 1980, o que dizer dele de meados de 1990 para cá? Recapitulamos os filmes mais legais desse grande nome de Hollywood e não poupamos as tranqueiras.

E ainda fica um recadinho, não se esqueçam de ir nos encontrar no dia 18 de agosto, na Bienal de SP, para os autógrafos de Quadrinhos no Cinema Vol. 2, no estande da Saraiva. Grande abraço a todos!

 

COMENTADO NESSE VIDEOCAST

 Videocast 88 – Indiana Jones
– Mais sobre Tubarão no
Videocast 86 – Oceanos
Podcast 46 – John Williams
– Mais sobre Contatos Imediatos de Terceiro Grau no
Videocast 40 – Alienígenas
Podcast 58 – As Aventuras de Tintim
– Nossos parceiros: Super Novo, Mob Ground, Filmes com Legenda, Soc Tum Pow e Contraversão 

PROMOÇÃO VERTIGO CRIME E SUPERMAN DA NEW POP!

O Pipoca e Nanquim, em parceria com a editora New Pop e a loja Comix, está sorteando um exemplo de Vertigo Crime – Morte no Bronx, Vertigo Crime – A Cidade da Neblina e É um Pássaro…! Para participar, basta curtir nossa fanpage no facebook (www.facebook.com/pipocaenanquim) e compartilhar esse post! Fácil, fácil, mole, mole! Um sortudo vai receber esses três excelentes quadrinhos em casa!

Resultado dia 17/08, uma sexta-feira, aqui no site! ATUALIZAÇÃO: nome do vencedor publicado aqui. Agradecemos a participação de todos.

QUADRINHOS COMENTADOS 

Batman – Vitória Sombria (Panini)
Jambocks – Parte 2 (Devir)

FILMES COMENTADOS 

Amblin (Amblin, 1968)
Encurralado (Duel, 1971)
Tubarão (Jaws, 1975)
Contatos Imediatos de Terceiro Grau (Close Encounters of the Third Kind, 1977)
1941 – Uma Guerra Muito Louca (1941, 1979)
Indiana Jones – Os Caçadores da Arca Perdida (Raiders of the Lost Ark, 1981)
E.T. – O Extraterrestre (E.T.: The Extra-Terrestrial, 1982)
A Cor Púrpura (The Color Purple, 1985)
Império do Sol (Empire of the Sun, 1987)
Hook – A Volta do Capitão (Hook, 1991)
Jurassic Park – O Parque dos Dinossauros (Jurassic Park, 1993)
A Lista de Schindler (Schindler’s List, 1993)
Amistad (Amistad, 1997)
O Resgate do Soldado Ryan (Saving Private Ryan, 1998)
A.I. – Inteligência Artificial (Artificial Intelligence: AI, 2001)
Minority Report – A Nova Lei (Minority Report, 2002)
Prenda-me se for Capaz (Catch Me If You Can, 2002)
O Terminal (The Terminal, 2004)
Guerra dos Mundos (War of the Words, 2005)
Munique (Munich, 2005)
As Aventuras de Tintim (The Adventures of Tintin, 2011)
Cavalo de Guerra (War Horse, 2011)

—————————————–­­­————————————–­-­-­———————————————————————–
Se você gostou do que assistiu, ajude o videocast a se espalhar e clique no botão GOSTEI, adicione o vídeo aos favoritos e COMPARTILHE com os amigos nas redes sociais, isso é fundamental para a sobrevivência do canal. Contamos com a sua ajuda;)

 

 

Podcast 65 – Filmes Tensos e Assustadores

Olá a todos,

Sejam bem vindos a mais um podcast do Pipoca e Nanquim para alegrar a sua segunda-feira (no caso atrasou, mas beleza, conta como se fosse segunda). Hoje, após uma crise criativa incapaz de arrumar temas adequados, decidimos deixar a coisa rolar e simplesmente falar sobre filmes assustadores. Pois é, somos todos fãs de terror (bom, o Daniel é meio medroso, mas ele também curte) e relembramos nossos bons momentos quando jovens, na época em que nos arrepiávamos com pequenas gemas aterrorizantes como O Massacre da Serra Elétrica, Sexta Feira 13 O Mutilador. Não esquecemos de mencionar alguns diretores que são carta marcada no gênero, como Dario Argento e John Carpenter e, como é de se esperar, damos muitas risadas.

Ficamos no aguardo de suas confidências (inclusive diga se você também tinha medo do Fofão) e segredos mais íntimos. Aproveite o espaço dos comentários!!!

A propósito, você tem só mais um dia para tentar ganhar o novo livro John Carter – Entre Dois Mundos, da editor Fantasy – Casa da Palavra. Clique aqui e participe da promoção.

COMENTADO NESSE PODCAST

Podcast 51 – Musicais
Podcast 62 – H. P. Lovecraft 

Músicas

Bloco 01
Need Your Love So BadFleetwood Mac

Bloco 02
Love is Like OxygenThe Sweet
An Old Fashioned Love SongThree Dog Night

Bloco 03
You Make My DreamsHall And Oates
She’s Got You HighMumm-Ra

Bloco 04
Billion Dollar BabiesAlice Cooper
Hangin’ RoundLou Reed

 

  • iTUNES
    Você também pode assinar o podcast em seu iTunes:  Sabe Como?

Se você gostar do que ouvir, ajude o podcast a se espalhar e clique no botão de RETWEET ou  CURTIR do Facebook. Indique para os amigos, coloque no seu blog, abra uma comunidade no Orkut, segue a gente no Twitter, enfim, colabore com as coisas que gosta (no caso, com Pipoca e Nanquim, rs)! Segunda que vem tem mais.

OUÇA AQUI A VERSÃO SEM BLOCOS MUSICAIS
Para  baixar clique com o botão direito e “salvar link como”

Reproduzir

Podcast 46 – Grandes Compositores: John Williams

Olá a todos, sejam bem vindos a mais um podcast do Pipoca & Nanquim.

Você pode não conhecer o nome dele, mas é improvável que jamais tenha escutado alguma de suas músicas. John Williams é um dos maiores (se não o maior) nomes da música clássica moderna (sim, nós sabemos que é um paradoxo falar isso) e o maior criador de trilhas sonoras da história do cinema.

Sem brincadeira, ninguém foi tão emblemático quanto este compositor que nos brindou com músicas tão díspares e sensacionais como Indiana Jones, Superman, ET, Tubarão e, claro, Guerra nas Estrelas. Williams compreende o cinema como poucos e, acima de tudo, compreende o papel que a trilha desempenha em um filme – e a partir desse entendimento ele nos deu joias preciosas que daqui a alguns anos, serão estudadas em faculdades de música em todo o mundo – marque o que estamos dizendo!

Porém, sem mais delongas, vamos ao que interessa e conhecer um pouco da carreira deste gênio. Ah, e antes que alguém apareça reclamando, sim, o Alexandre come uma bola fenomenal e acha que a trilha sonora de A Profecia é dele, quando na verdade pertence a Jerry Goldsmith – outro gênio da música no cinema. Mas não importa, afinal o tema também é genial, e música é a linguagem universal.

Até a próxima semana (a não ser que a gente se encontre na Fest Comix).

Músicas

Bloco 1
I’d Rather Go BlindEtta James
Hoochie Coochie ManMuddy Waters

Bloco 2
I’m Afraid Of AmericansDavid Bowie
Slow DownHalford

Bloco 3
Mr. Pinstripe SuitBig Bad Voodoo Daddy
The Legend of Johnny KoolThe Brian Setzer Orchestra

Bloco 4
I Love The Rain The MostJoe Purdy
Howlin’ WolfSmokestack Lightnin’

_________________________________________________________________________________

  • iTUNES
    Você também pode assinar o podcast em seu iTunes. Sabe Como?

Se você gostar do que ouvir, ajude o podcast a se espalhar e clique no botão de RETWEET ou então no CURTIR do FAcebook. Indique para os amigos, coloque no seu blog, abra uma comunidade no Orkut, segue a gente no Twitter, enfim, colabore com as coisas que gosta (no caso, com Pipoca e Nanquim, rsrs)! Segunda que vem tem mais.

Reproduzir