Bob Larkin – O Rei das Magazines Adultas da Marvel

Bob Larkin – O Rei das Magazines Adultas da Marvel

Em meados da década de 1970, a Marvel Comics lançou uma grande quantidade de magazines voltadas para o público adulto, sendo o expoente mais conhecido o mega-sucesso A Espada Selvagem de Conan. Durante esse período, saíram muitas HQs de terror , versões com os heróis mais conhecidos, adaptações de séries de sucesso da editora, releituras dos personagens dos pulps e até westerns.

Tradicionalmente, as capas desses veículos eram feitas com arte pintada, e foram vários os desenhistas que se destacaram, porém um deles reinou supremo, ilustrando uma enorme quantidade de capas, produzindo durante um curto período de tempo, porém em ritmo alucinante (bem mais veloz que vários de seus colegas) Bob Larkin.

Nascido em 1949, Larkin entrou no ramo no final dos anos 70, mas já havia feito trabalhos publicitares anteriormente. Eclético, sue trabalho mantinha um pé nos comics tradicionais, trabalhando cores vivas e vibrantes, sem a preocupação de ser absolutamente realista. O resultado era muito bonito e diferente do que havia no mercado. Larkin produziu além de capas para a Marvel, edições de Vampirella e The Rook (ambos da Warren), uma coleção de pulps de Doc Savage para a Bantam Books, além de ilustrações para empresas menores, como a Peter Pan Records. Um de seus trabalhos mais conhecidos são os anuncios publicitários da WWE, com lutadores como The Rock.



Graduou-se em Letras. É escritor, tradutor, palestrante, aficionado por cinema e quadrinhos e atualmente é editor da DC Comics no Brasil. No passado também trabalhou com música e artes marciais. Autor de vários livros, dentre eles Apocalipse Zumbi – Os Primeiros Anos, Branca de Neve, Desvendando nelson Rodrigues e da série Quadrinhos no Cinema, ao lado de Daniel e Bruno. Proprietário de uma coleção de 15.000 quadrinhos antigos, Callari viaja frequentemente pelo país fazendo exposições das suas edições raras.


One thought on “Bob Larkin – O Rei das Magazines Adultas da Marvel

  1. André Ornelas

    A do Mestre do Kung Fu com Shurikens foi capa da saudosa Superaventuras Marvel da Abril, boas lembranças evocadas. Já a arte de Wild Cards (puta história fraca do caralho) tb saiu na capa do encadernado.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *