Logo

Path of Exile é infinitamente melhor que Diablo III e é gratuito!

(Pronto, agora que eu conquistei sua atenção com esse título chamativo vamos para a resenha).

Há mais ou menos um ano atrás eu me deparei com um vídeo que mostrava um jogo extremamente similar a Diablo 2 (o estilo apenas, claro). Descobri que se tratava de um game ainda em desenvolvimento por uma produtora chamada Grinding Gear Games da Nova Zelândia. Como fã de D2, comecei a acompanhar todos os vídeos narrados pelos próprios criadores. Assim que o primeiro Open Beta Weekend surgiu, me inscrevi e comecei a fuçar todos os aspectos do jogo. Para um jogo gratuito, é simplesmente sensacional.

Path of Exile é um RPG que se passa no mundo desolador e obscuro de Wraeclast. Em exilo da sua terra natal, os jogadores se encontram nas margens deste continente aonde vão encarar os males bizarros juntos ou solo com a opção de seis classes (Marauder, Ranger, Duelist, Templar, Shadow e Witch.).  Cada classe conta com um visual muito bem elaborado e um estilo de luta que, ao mesmo tempo em que é bem particular de cada personagem, pode ser desenvolvida para qualquer estilo através da complicada, intrínseca e quase interminável “árvore” de habilidades. Por exemplo: o Shadow começa atribuindo suas habilidades certas como velocidade e destreza e depois pode começar a explorar o território de um bárbaro ou de uma bruxa, fica ao seu critério. É uma maneira única e muito gratificante de customizar seu personagem, balanceando muito bem a progressão do exilado com o nível de cada quest do jogo. Verdadeiramente inovador.

Para os que já acompanham (e jogam) Path of Exile, o rótulo de RPG-ação sempre surge nos fóruns e é recebido com várias pedradas, mas a origem do game é bem tradicional e também misturada com a liberdade dos seus contemporâneos, transformando o jogo em algo genuinamente especial. A clássica perspectiva isométrica transforma a jogabilidade em algo simples e ágil, um aspecto necessário nas batalhas mais populosas. O combate, claro, é uma enorme porção do jogo e a Grinding Gear Games fez um trabalho que beira a perfeição. Os criadores passaram inúmeras horas criando uma fusão bizarra e opressora entre fantasia e realismo, preenchendo os combates com sangue e tripas. O mesmo pode ser dito sobre os efeitos sonoros, perfeitamente executados.

O cenário é essencial para um RPG de sucesso e PoE acertou: os produtores criaram um universo onde o clima de abandono, desprezo, tristeza, ódio e desolação reinam. De calabouços arcaicos a praias repletas de navios abandonados e assombrados. Tudo isso solidificando a atmosfera pesada do jogo. Gráficos impecáveis.

Como de costume em RPGs, PoE é melhor ainda quando se joga em grupo. A dificuldade do jogo começa a crescer logo nos primeiros estágios de desenvolvimento do seu personagem. Sendo assim, quanto mais alianças forem formadas melhor suas chances de avançar no jogo e nas habilidades do seu personagem, o bom e velho “power leveling”.

Para um game que ainda encontra-se em sua versão beta, Path of Exile promete muito mais do que Diablo III. É uma alternativa mais cativante (e criativa) que os mais recentes RPGs do gênero sem desmerecer suas óbvias influências. Como um dos produtores mesmo disse: “Ainda estamos nos preocupando com os próximos 10 anos de desenvolvimento de PoE”. 10 anos! Em um ano de desenvolvimento beta, o jogo já é quase perfeito.

O game será oficialmente lançado e gratuito a partir do ano que vem. De qualquer forma, por míseros 10 dólares já é possível acesso imediato à beta key (isso quando vc não é sorteado com uma key, que ocorre diariamente). Path of Exile será um sucesso absurdo. Vale muito a pena fazer parte do universo sensacional de Wraeclast.

Divulgue nossa postagem

Sobre o autor

Leo ChacelÉ formado em Publicidade. Depois de cinco anos como livreiro, chutou o pau da barraca e virou tatuador e gamer porque jogar e desenhar é o que faz de melhor. Além de escrever sobre games para o PN escreve sobre música (só as boas) em seu blog Overdose Contínua.Ver todas as publicações de Leo Chacel →

Deixe um comentário

  1. Rodinely SousaRodinely Sousa08-28-2012

    Me cadastrei já!
    Boa a estrategia do “título chamativo” (comigo funcionou direitinho), não esperava menos de um publicitário =)
    A propósito, muito boa a resenha. Irei adquiri uma key no decorrer dessa semana e testar o game.

    • Leo ChacelLeo Chacel08-28-2012

      Obrigado pelo comentário Rodinely!

      Vale cada centavo adiquirir uma key antes do Open Beta, o jogo não desaponta.

      Abraços!

  2. Wesley da GuiaWesley da Guia09-14-2012

    Ótima resenha.
    Gostei do jogo já estou baixando e me cadastrando.

    valeu pela dica, abraço.

  3. caiocaio09-24-2012

    Putz curti jogo mas como eu consigo a Beta Key é paga ? o jogo nao era free to play ?

  4. caiocaio09-24-2012

    Alguem sabe me dizer como faço pra conseguir uma Beta Key ?

    • LeoChacelLeoChacel10-01-2012

      Caio, o jogo esta em desenvolvimento ainda. Mas pagando 10 dólares vc consegue uma Beta Key pra jogar já ou pode ser convidado aleatoriamente (e grauitamente) cadastrando-se no site. No final do ano o jogo vai ser aberto gratuitamente para o público!

  5. Caio RibeiroCaio Ribeiro10-22-2012

    É só fui entender como estava funcionando a distribuição de Beta Keys depois de um tempo, estava pensando em pagar, mas como já vão lançar a Open Beta no final do ano vou ficar no aguardo e joga direto a Open Beta.
    Valeu pela dica! Abraço.

  6. PedroPedro01-16-2013

    Tiraram a ideia da arovre de talentos do Final Fantasy X

  7. PedroPedro01-16-2013

    Tiraram a ideia da arvore de talentos do Final Fantasy X

  8. Rafhael JaquesRafhael Jaques01-26-2013

    E ae Léo, notei que você fez esse review ainda na versão CLOSED Beta e encontrei seu site no Google ^^ vou deixar minha opinião sobre o game que atualmente está em OPEN…

    Este jogo é ótimo, baixem ele no site do Baixaki, eu sou fã da série Diablo e não gostei muito do 3, comparando com os anteriores, o Path of Exile tem um sistema de talentos GIGANTE que faz com que seu personagem seja diferente de todos os outros e também faz a diferença entre classes iguais (2 Duelistas) por exemplo, eu jogo com 3 amigos e o jogo é MUITO BOM, recomendo muito, esse vídeo (http://youtu.be/X_PtN0iW1YY) mostra bastante a jogabilidade e o começo do jogo, onde você é abandonado em uma praia de uma terra distante por ter sido EXILADO da sua terra natal, daí o nome Path of the Exile…espero ter ajudado quem estava indeciso sobre o jogo.

    UM Grande abraço e aproveitem… o/

  9. thiagothiago01-29-2013

    Isso é plágio do diablo e sem muitas coisas e com plágio de outros jogos como torchlight.. melhor q diablo?? haeuhueehue nem melhor q o diablo 1 isso é.. tosco e pobre.. jogo do sec passado.. review concerteza PAGO POR ALGUEM!

    • MakiuuMakiuu01-30-2013

      cara na boa cala sua boca… O jogo e otimo. nunca jogui diablo 3 mas olhando videos posso dizer q e muito melhor. e se quiser dar alguma opniao conheca o joo antes de falar…
      Sem muitas coisas??? serio, cala sua boca.

      Parabens Leo muito bom seu post

  10. SanCasTSanCasT03-22-2013

    Fala pessoal tudo bem?

    O jogo é realmente irado! Já comecei a jogar, e junto com uns amigos do clan GtO fizemos uma divisão só para o PoE.

    Quem tiver interesse em conhecer mais sobre o jogo e se juntar a nos, segue nosso link.

    http://gtoclan.com.br/f21-path-of-exile

    Valeeu!

    SanCasT

  11. MarcosMarcos12-03-2013

    Estou jogando poe direto faz 5 semanas e esse jogo é fenomenal, inovador em diversos aspectos. Qdo vc começa a jogar, as primeiras impressões são de q essas inovações são geniais. Qdo vc vai aprendendo e dominando o sistema de trocas, skills, build, progressão e mapas end-game, continua com essa impressão. A produtora optou por um modelo de jogo “muito complexo e livre” ao invés de “extremamente simples e limitado” do D3.

    Joguei D3 por 15 meses seguidos e pude provar muito de praticamente todos os aspectos do end-game dele. Hardcore, PvP, Farm no Softcore, fast-run em mp10, trading, conquistas, gear top… joguei muito de praticamente tudo q há nele. Mas D3 é um jogo q só te deixa a impressão de imperfeição e pouco caso dos criadores. E nem foi por isso q abandonei, mas sim pelo lag insuportável do servidor.

    Já PoE te deixa com a impressão totalmente contrária. Atualização diária, novo patch qse semanal, server sem lag, manutenção rápida… esse sim mostra oq é o nível de excelência da administração do game. Só precisamos torcer pra que continuem assim, pois o modelo de negócios dele depende muito de doações voluntárias.